EU SOU ...

 Muitos me chamam de Danimi;
 Nasci em 24 de agosto;
 Sou caçula e temporã;
 Sou casada;
 Tenho um filho: DAVI;
 Sei o que quero pra mim;
 Sei onde quero chegar;
 Não sou indecisa;
 Amo cantar;
 Amo cozinhar e comer;
 Amo meu Deus;
 Amo meu marido;
 Amo minha família;
 Amo edição de imagens;
 Amo calor;
 Amo sol;
 Amo comprar;
 Amo ficar a toa;
 Amo ler;
 Amo orar ouvindo música;
 Amo Minas Gerais;
 Sempre entro na conversa alheia rss;
 Dou bronca sim;
 Gosto de tudo em “pratos limpos”;
 Não gosto de confusão;
 Não gosto de fofoca;
 Não gosto de mentiras;
 Não gosto que me controlem;
 Não gosto de gente “reclamilda”

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

:: LINK-ME ::


Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

:: MEU AWARD ::


Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket


Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

::Templates feitos por mim::




TEMPERO MINEIRO




Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket


Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

::Para bebes e crianças::


BEBÊ BÁSICO

BEBÊ BOUTIQUE

BE LITTLE

BIBI

CARA DE MENINO

BY TILLY

CENTOPEIA

ENCANTARIO

GIRA BABY

GRENN BY MISSAKO

JOANA JOÃO

MONNE

PAOLA DA VINCI

NICK NAME

PETISTIL

PETIT-PAVÉ

PIRIPIRI

PUC

SWEET BABY

TIP TOEY JOEY

TUTTI MINI

NANA BRANCO

PRIMEIRO QUARTO

CHICLETARIA

SBOGODOF

BABO UABU

BABY BASICS

BETH BEBÊ

BIBE

MAM BABY

MARIELA BABY

LA ROYA

CIAMAR BABY

CEGONHA FELIZ

TYROL

1 MAIS 1

DECORAGORA

ATELIER MINATTI

INFINITA ARTE FOR BABY

O CANTO DAS ARTES

IROMA BABY

DECORE BABY

KLIN

ELIANA SPOSITO

BERTA GONCALEZ

BABY COUTURE

GALPÃO DO BEBÊ

FISHER PRICE BRASIL

UPI ULI

ZARA


Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

::Blogs Mães e Filhos::


BB PONTO COM

MÃE COM FILHOS

APRENDIZ DE MÃE

MÃE DE PRIMEIRA

PEQUENO GUIA PRÁTICO

MÃE DE GAROTO

MÃE EM CONTA GOTAS

A FAMILIA AUMENTOU

PRA FALAR DE TUDO

GRINGUINHOS

MÃE ANTENADA

DEGRAU A DEGRAU

NOSSO PRIMEIRO FILHOTE

NASCENDO UMA MÃE


Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Confira:














Obrigada por me linkar






*LadyLony*




::Blogs de Receitas::


COLHER DE PAU

SABORES DA LICA

PECADO DA GULA

RECEITAS VEGETARIANAS

DADIVOSA

COMIDINHAS DA MISS

RATATOUILLE

RAINHAS DO LAR

RECEITAS DIVERTIDAS

DIVERSAS RECEITAS

SENHOR PRENDADO

RECEITAS DA EMILIA

BLOG DO PINDAVALE

MIL RECEITAS

RECEITAS DE SOBREMESA

100% AÇUCAR

A COZINHA DA TERE

AS RECEITAS DA PATANISCA

BAUNILHA E CARAMELO

CANTINHO DA NANI

CAOS NA COZINHA

COISAS SIMPLES

COMIDINHAS DO BEM

COZINHA COM TOMATES

DELICIAS DA KINI

DOS SABERES AOS SABORES

UMBIGO NO FOGÃO

CHOCOLATRIA

COZINHAS DO MUNDO

100% AÇUCAR

BRIGADEIRO DE COLHER

L´AMOUR DANS LASSIETTE

TÁ NA PANELA

COZINHA QUENTE

BATUQUE NA COZINHA

DISCÍPULA NA COZINHA

BOLO & BRIGADEIRO

MICHELLE LIMA CAKE DESIGNER

MARINA BOLL - CAKE DESIGNER

CHOCOLATE E COMPANHIA

AMORES E SABORES

ARTE AROMÁTICA

ANGU & PIRÃO

MANGA COM PIMENTA

PAPAS E PAPA

SABOR

SALADA DIGITAL

COZINHA DA ILIANE

SABORES DE IAIÁ

CAMINHO TRILHADO

VIDA PRÁTICA

PANELINHA

A MAGIA DA CULINÁRIA

AGUA NA BOCA

TREM BOM

CANELA MOÍDA

DELISHVILLE

SIMPLESMENTE DELÍCIA

DOCES TEMPEROS

MADAMES NA COZINHA

MANJAR DE IDÉIAS DOCES

MESA PARA 4

PAPRIKA NA FEIJOADA

BANQUETES E LANCHINHOS

AOS 30

COMER É UM BARATO

CONVERSA NA COZINHA

COZINHA E CIA

COZINHA E TRICÔ

COZINHA TURCA

DIETAS E COMPANHIA

EXPERIÊNCIAS NA COZINHA

JOÃO E O FOGÃO

MANJAR DE IDÉIAS DOCES ... E NÃO SÓ

MARI'S KITCHEN

PÃO E CERVEJA

PRATOS E TRAVESSAS

BELINHA GULOSA

TIGELA DE YAKISSOBA

VITAMINA ABC

BOLOSEIMAS

CHOCOLATE E COMPANHIA

JULIA VALSECCHI

NO CÉU DA BOCA

NO CÉU DOS BOLOS

PALADARES AOS MOLHOS

O BOLO FOFO

A TASTE IN HEAVEN

CASA DE FARINHA

FUI PARA A COZINHA

PRATO-À-PORTER

CUP-CAKERIE

CUP CAKE BLOG

MESA PRA 1

QUICHE DE MACAXEIRA

TECHNICOLOR KITCHEN

COME-SE

FLAGRANTE DELÍCIA

CARPE DIEM

COZINHA DA ZANA

FROM OUR HOME TO YOURS

O CANTINHO DA NANDA

O FOGÃO DO CUCA

O QUE FAZER PRO JANTAR

PRATOS E COMPANHIA

FLOSINHA

BOLOS DE ENCANTO

BOLOS DA DINA

BOLOS E COMPANHIA

PÃO, BOLOS E CIA

PIPOCAS DA MARIA

AMEHLIA DIGITAL

NOSSAS RECEITAS

LIVRO DE RECEITAS

RECEITINHAS

SITIO DO SOL

MISS GOURMET

IGUARIAS DE AÇÚCAR E SAL

RECEITAS DA TATI

CHOCOLATE EM PÓ

CHOCORANGO

GULA GULOSEIMA

TRAINEE DE COZINHEIRA

OBA GASTRONOMIA

PANTAGRUELA

LA PASTA

AVENTAL, COISA E TAL

ABÓBORAS AMASSADAS

AS MARIAS

COMIDINHAS DA TIA RO

MOQUECA COM PIMENTA

TEMPERARTE

EDU GUEDES

EDU GUEDES - HOJE EM DIA

::Diversidade::


FAZENDO ARTE

COISAS DE DEUS

ARTESANATO EM MADEIRA

REGALOS

CLUB DO SCRAP

ARMAZÉM DA ARTE

BLOG MODATECA

ART.COM

ATELIER MILA MIOLO

CREATE

PAPEL & ARTE

SARRANHEIRA FOR BABY

MARI MONTEIRO

SCRAPBOOK BY REGINA TORRES

GALERIA DE IMER ATELIE

COLOR PARTY

LUXOS E LUXOS




Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Outros sites:

- Meu Fotki
- BO
- Fotos da Familia Dias (atual)
- Fotolog Familia Dias
- Blog da Ticia
- Blog da Maga
- Magia Gifs
- Blog da Tanny®
- Armário da Ca
- Page Plugins
- Blog da Nancy
- FOFURAS
- Receitas do Paulinho
- Blog da Malu
- Tubes
- Mey e bb: Pedro
- Raquel (TDA)
- Scrap TV
- MAMI ART
- Casa da Lara
- Mariselma
- Luga
- Eimy
- Dudu da Lu



Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Awards Ganhos:






Photobucket - Video and Image Hosting







Parabens pelo lindo Blog



















Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Scrapbooking:







Junia Scrapblog




Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Histórico:

- 01/04/2010 a 30/04/2010
- 01/03/2010 a 31/03/2010
- 01/02/2010 a 28/02/2010
- 01/01/2010 a 31/01/2010
- 01/12/2009 a 31/12/2009
- 01/11/2009 a 30/11/2009
- 01/08/2009 a 31/08/2009
- 01/07/2009 a 31/07/2009
- 01/06/2009 a 30/06/2009
- 01/05/2009 a 31/05/2009
- 01/04/2009 a 30/04/2009
- 01/03/2009 a 31/03/2009
- 01/02/2009 a 28/02/2009
- 01/01/2009 a 31/01/2009
- 01/12/2008 a 31/12/2008
- 01/11/2008 a 30/11/2008
- 01/10/2008 a 31/10/2008
- 01/08/2008 a 31/08/2008
- 01/07/2008 a 31/07/2008
- 01/06/2008 a 30/06/2008
- 01/04/2008 a 30/04/2008
- 01/03/2008 a 31/03/2008
- 01/02/2008 a 29/02/2008
- 01/01/2008 a 31/01/2008
- 01/12/2007 a 31/12/2007
- 01/11/2007 a 30/11/2007
- 01/10/2007 a 31/10/2007
- 01/09/2007 a 30/09/2007
- 01/07/2007 a 31/07/2007
- 01/06/2007 a 30/06/2007
- 01/05/2007 a 31/05/2007
- 01/04/2007 a 30/04/2007
- 01/03/2007 a 31/03/2007
- 01/02/2007 a 28/02/2007
- 01/01/2007 a 31/01/2007
- 01/12/2006 a 31/12/2006
- 01/11/2006 a 30/11/2006
- 01/10/2006 a 31/10/2006
- 01/09/2006 a 30/09/2006
- 01/08/2006 a 31/08/2006
- 01/07/2006 a 31/07/2006
- 01/06/2006 a 30/06/2006
- 01/05/2006 a 31/05/2006
- 01/04/2006 a 30/04/2006
- 01/03/2006 a 31/03/2006
- 01/02/2006 a 28/02/2006
- 01/01/2006 a 31/01/2006
- 01/12/2005 a 31/12/2005
- 01/11/2005 a 30/11/2005
- 01/10/2005 a 31/10/2005
- 01/09/2005 a 30/09/2005
- 01/08/2005 a 31/08/2005
- 01/07/2005 a 31/07/2005
- 01/06/2005 a 30/06/2005
- 01/05/2005 a 31/05/2005
- 01/04/2005 a 30/04/2005
- 01/03/2005 a 31/03/2005
- 01/02/2005 a 28/02/2005


Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Votação:

- D? uma nota para meu blog


Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Indique esse Blog



Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Contador:



Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Design By Danimi:
DaniELA Live



VIRTUDES OU DEFEITOS

Um homem vê um anúncio no jornal:

"Vende-se um cão de caça por 2.500 dólares, ele vale mais do que isso."

Ele liga para o número indicado e ouve o dono falar que precisa ver o cachorro em ação.

Na manhã seguinte eles se encontram e, bem cedo, saem para caçar juntos.

O cachorro, encontrando uma grande quantidade de aves agrupadas em um arbusto, espanta-as e duas delas caem na água.

Ele caminhou por cima da água, pegou as aves e retornou caminhando novamente sobre a água.

O homem ficou espantado e comprou o cachorro naquele mesmo lugar.

No dia seguinte ele persuadiu seu irmão a ir caçar com ele.

Mais uma vez duas aves caíram na água e o cachorro, caminhando sobre a água, pegou as aves e trouxe-as para o barco.

Ele, virando-se para o irmão, perguntou: "O que achou do meu cachorro de caça?"

A resposta do irmão foi: "Quer dizer que você comprou um cão que não sabe nadar."

A anedota, que serve de ilustração para nossa reflexão de hoje, nos faz refletir sobre muitas de nossas atitudes em diversas circunstâncias.

Muitas vezes, diante de situações que deveriam ficar marcadas em nossa mente como dignas de admiração e aplausos, acabam sendo ignoradas apenas por algum pequeno aspecto negativo.

Quantas vezes perdemos a amizade de uma pessoa querida, que tanto bem nos fazia e com quem muito nos alegramos por uma bobagem qualquer, que certamente passaria despercebida se procurássemos olhar apenas o lado positivo e não negativo.

Quando Cristo é o Senhor de nossas vidas e nos colocamos em Sua presença para servi-lo conforme a Sua vontade, aprendemos a não fazer julgamentos precipitados.

O amor que vem do coração de Deus e se instala em nossos corações nos ensina a amar e, por conseguinte, a contemplar o que há de mais belo nas pessoas e em tudo que se relaciona com nossas vidas.

Os erros, as falhas e os defeitos não são percebidos pelo olhar do verdadeiro filho de Deus. Ele percebe o que é bom, mais digno e de maior valor em tudo que o rodeia.O que você vê nas coisas e pessoas ao redor, virtudes ou defeitos?

(Paulo Barbosa)

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket


- Postado por: Danimi as 16h00
[ ] [ envie esta mensagem ]

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket




POSSO ...

"Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes ... mas não esqueço de que a minha vida é a maior empresa do mundo.

E que posso evitar que ela vá à falência. Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver, apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise. Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história.

É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndido da sua alma. É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida. Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos.

É saber falar de si mesmo.

É ter coragem para ouvir um "não".

É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.

Pedras no caminho?

Guardo todas, um dia vou construir um castelo."

(Fernando Pessoa)

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket


- Postado por: Danimi as 13h05
[ ] [ envie esta mensagem ]

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket




Fiz pra vocês

Oi Amadinhos do meu core,

Devagarinho vou voltando ao psp e me interessando novamente por edição de imagens.

E pra começar a esquentar, fiz uns extrinhas pra vocês (Boa noite, Bom dia, Parabéns, te amo ... essas coisitas).

Bom, espero que gostem. Fiz com todo carinho.

Pra baixar a coleção toda, clique na tag com meu nome.

Bjks, inté.



- Postado por: Danimi as 18h44
[ ] [ envie esta mensagem ]

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket




COM UM OLHO SÓ!

Toda semana eu recebo alguns e-mails, narrando as dificuldades de relacionamentos que surgem nos mais variados ambientes de trabalho.

São histórias de chefes déspotas, amigos invejosos e inimigos declarados. Foi pensando nesse tema que resolvi escrever o artigo dessa semana.

Afinal, quem não tem um inimigo que atire a primeira pedra.

Uma situação é certa, independente do que você faça, sempre existirão pessoas que não gostarão de você. Os inimigos surgem por situações de conflito ou simplesmente porque você é alto ou baixo, porque é mulher ou por ter conquistado uma formação melhor. Fará inimigos por ter uma

religião ou filosofia de vida diferente dos demais, ou por vestir-se ou pensar genuinamente. Você fará inimigos puramente por existir.

Quem deseja evoluir, seja pessoal ou profissionalmente, tem que tomar certos posicionamentos que nem sempre agradarão. Assumir riscos para

realizar ideais, obriga as pessoas a incorrerem em impopularidade. Alguns passarão a invejá-lo porque o chefe gosta de você, às vezes o próprio chefe o invejará, outros simplesmente não o suportarão porque sabem que você tem grandes chances de ser o novo chefe ou meramente pela sua capacidade.

O fundamental é não entrar em sintonia com o invejoso, pois quem mais sairá perdendo é você. Um bom exemplo disso é a parábola do Ganancioso e do Invejoso:

"Um homem ganancioso e outro invejoso encontraram um rei. O rei lhes disse: "Um de vocês pode me pedir alguma coisa e eu lhe darei, desde que possa dar em dobro ao outro". O invejoso não quis ser o primeiro porque ficou com inveja do companheiro que receberia o dobro, e o ganancioso também não quis porque desejava tudo para ele. Finalmente, o ganancioso pressionou o invejoso para fazer o pedido. Aí o invejoso pediu ao rei para lhe furar um dos olhos".

Criando essa consciência você terá condições de optar entre dois caminhos: entrar na paranóia e perder energia através de comportamentos persecutórios ou, ser humilde, esquecer o ato pretensioso de querer agradar a todos e realizar o seu trabalho da melhor forma possível, preferencialmente tratando todas as pessoas da melhor forma possível, inclusive aquelas que não lhe inspirem grande simpatia. Caso contrário as chances de conquistar um "olho furado" e passar a ter uma visão limitada da vida, serão as suas grandes conquistas.

(Lígia Guerra)

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket


- Postado por: Danimi as 09h46
[ ] [ envie esta mensagem ]

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket




DICIONÁRIO MINERÊS/PORTUGUÊS

Procêis qui mora nuistadiminas e procêis qui vencá asveiz. Ói qui bão sô... procês intendê mió o minero, uai!

DICIONÁRIO MINERÊS/PORTUGUÊS

PRESTENÇÃO - é quano eu tô falano iocê num tá ovino.

CADIQUÊ? - assim, tentanu intendê o motivo.

CADIM - é quano eu num quero muito, só um poquim

DEU - omez qui 'di mim'. Ex.: Larga deu, sô!!

- fim de quarqué frase. Qué exêmpro tamem? : Cuidadaí, sô !!!

- omez qui 'pena', 'cumpaxão' : 'ai qui dó, gentch.!!'

NIMIM - o mez qui ni eu. Exempro: Nòoo, ce vivi garrado nimim, trem!... Larga deu, sô!!...

NÓOO - Num tem nada a vê cum laço pertado, não! Omez qui 'nossa!..' Vem de Nòoosinhora!...

PELEJANU- omez qui tentanu: Tô pelejanu quesse diacho né di hoje, qui nó! (agora é nó mez!)

MINERIM - Nativo duistadiminnss.

UAI - Uai é uai, sô... uai!

ÉMÊZZZ ?! - minerim querêno cunfirmá.

NÉMÊZZZ ?! - minerim querêno sabê si ocê concorda.

OIAQUI - Minerim tentano chama atenção pralguma coizz...

PÃO DI QUEJU - Iosscêis sabe!... Cumida fundamentar qui disputa como tutu a preferêça dus minêro

TUTU - Mistura de farinha di mandioca (o di mio) cum fejão massadim. Bom dimais da conta, gentch!!

TREIM - Qué dize quarqué coizz qui um minerim quizé! Ex "Já lavei us trem!" , Qui trem bão!!

NNN - Gerúndio du minreis. Ex: 'Eles tão brincannn', 'Ce ta innn, eu to vinnn...'

BELZONTCH - Capitár dustado.

PÓ PÔ - umez qui pó colocá

POQUIM - só um poquim, pra num gastá muito 

JISGIFORA - Cidadi pertin du Ridijanero. Cunfunde a cabeça do minerim que si acha qui é carioca. 

DEUSDE - desde. Ex: 'Eu sô magrelin deusde rapazin!' 

ISPÍIA - nome da popular revista 'VEJA' 

ARREDA - verbu na form imperativ (danu órdi), paricido cum saí. 'Arredaí, sô!' 

IM - diminutivo. Ex: lugarzim, piquininim, vistidim, etc. 

DENDAPIA - Dentro da pia. 

TRADAPORTA - Atrás da porta. 

BADACAMA - Debaixo da cama. 

PINCOMÉ - Pinga com mel. 

ISCODIDENTE - Escova de dente. 

PONDIÔNS - Ponto de ônibus. 

SAPASSADO - Sábado passado. 

VIDIPERFUME - Vidru de perfume. 

OIPROCÊVÊ (ou OPCV) - óia procê vê 

TISSDAÌ - Tira iss daí. 

CAZOPÔ - Caxa disopor. 

ISTURDIA - Otru dia. 

PROINOSTOINO? - pronde nós tamo inu?

CÊSSÀ SÊSSE ONS PASNASSAVAS? - ocê sabe se esse ônibus passa na Savassí?

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket


- Postado por: Danimi as 08h21
[ ] [ envie esta mensagem ]

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket




QUANDO ME AMEI DE VERDADE

- Quando me amei de verdade, compreendi que, em qualquer circunstância, eu estava no lugar certo, na hora certa, no momento exato. E, então, pude relaxar.

Hoje sei que isso tem nome... AUTO-ESTIMA

- Quando me amei de verdade, pude perceber que a minha angústia, meu sofrimento emocional, não passa de um sinal de que estou indo contra as minhas verdades.

Hoje sei que isso é... AUTENTICIDADE

- Quando me amei de verdade, parei de desejar que a minha vida fosse diferente e comecei a ver que tudo o que acontece contribui para o meu crescimento.

Hoje chamo isso de... AMADURECIMENTO

- Quando me amei de verdade, comecei a perceber como é ofensivo tentar forçar alguma situação ou alguém apenas para realizar aquilo que desejo, mesmo sabendo que não é o momento ou que a pessoa não está preparada, inclusive eu mesmo.

Hoje sei que o nome disso é... RESPEITO

- Quando me amei de verdade, comecei a me livrar de tudo que não fosse saudável: pessoas, tarefas, tudo e qualquer coisa que me pusesse para baixo.

De início, minha razão chamou essa atitude de egoísmo.

Hoje, sei que se chama... AMOR-PRÓPRIO

- Quando me amei de verdade, deixei de temer meu tempo livre e desisti de fazer grandes planos, abandonei os projetos megalômanos de futuro. Hoje faço o que acho certo, o que gosto, quando quero e no meu próprio ritmo.

Hoje sei que isso é... SIMPLICIDADE

- Quando me amei de verdade, desisti de querer ter sempre razão e, com isso, errei muito menos vezes.

Assim descobri o significado da... HUMILDADE

- Quando me amei de verdade, desisti de ficar revivendo o passado e de me preocupar com o futuro. Agora, me mantenho no presente, que é onde a vida acontece. Hoje vivo um dia de cada vez.

Isso é... PLENITUDE

- Quando me amei de verdade, percebi que a minha mente pode me atormentar e me decepcionar. Mas quando eu a coloco a serviço do meu coração, ela se torna uma grande e valiosa aliada.

Tudo isso é.... SABER VIVER!

(Mario Quintana)

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket


- Postado por: Danimi as 16h46
[ ] [ envie esta mensagem ]

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket




EU SEI MAS NÃO DEVIA

Eu sei que a gente se acostuma. Mas não devia. A gente se acostuma a morar em apartamentos de fundos e não ver outra vista que não as janelas ao redor. E, porque não se tem vista, logo se acostuma a não olhar para fora. E, à medida que se acostuma, se esquece do sol, se esquece do ar, se esquece da amplidão...

A gente se acostuma a acordar sobressaltado, porque está na hora; a tomar café correndo, porque está atrasado; a ler jornal no ônibus, porque não pode perder tempo de viagem; a comer sanduiche, porque não dá para almoçar; a sair apressado do trabalho, porque já é noite; a cochilar no ônibus, porque está cansado; a deitar cedo e dormir pesado, sem ter vivido a vida...

A gente se acostuma a abrir o jornal e ler sobre a guerra. E, a ACEITAR a guerra. E, aceitando a guerra, aceita os mortos e que haja um número para os mortos. E, aceitando os números, aceita não acreditar nas negociações de paz. Não aceitando as negociações de paz, aceita ler todos os dias sobre a guerra, seus números e sua longa duração...

A gente se acostuma a esperar o dia inteiro e ouvir ao telefone: "Hoje não posso ir". A sorrir para as pessoas sem receber um sorriso de volta. A ser ignorado, quando precisa ser visto.

A gente se acostuma a pagar por tudo o que deseja e necessita. E a lutar para ganhar com que pagar. E a ganhar menos do que precisa. E a fazer fila para pagar. E a pagar mais do que as coisas valem. E a saber que cada vez paga mais. E a procurar mais trabalho, para ganhar mais dinheiro, para ter com que pagar nas filas em que se cobra.

A gente se acostuma em andar nas ruas e a ver cartazes. A abrir revistas e ler artigos. A ligar a televisão e assistir comerciais. A ir ao cinema e engolir publicidade. A ser instigado, conduzido, desnorteado, lançado na infindável catarata dos produtos de consumo.

A gente se acostuma a poluição, às salas fechadas de ar condicionado e ao cheiro de cigarros; à luz artificial de ligeiro tremor, ao choque que os olhos levam à luz natural; às bactérias da água potável; à contaminação da água do mar, à morte lenta dos rios. Se acostuma a não ouvir passarinhos, a não ter galo de madrugada, a temer a hidrofobia dos cães, a não colher fruta no pé, a não ter sequer uma planta por perto...

A gente se acostuma a coisas demais para não sofrer. Em doses pequenas, tentando não perceber, vai afastando uma dor aqui, um ressentimento ali, uma revolta lá. Se o cinema está cheio, a gente senta na primeira fila e torce um pouco o pescoço. Se a praia está contaminada, a gente molha só os pés e sua o resto do corpo. Se o trabalho está duro, a gente se consola pensando no fim de semana. E, se no fim de semana não há muito o que fazer, a gente vai dormir cedo e ainda fica satisfeito, porque tem muito sono atrasado...

A gente se acostuma a não rolar na aspereza para preservar a pele. Se acostuma, para evitar ferida e sangramento, para esquivar-se da faca e da baioneta, para poupar o peito...

A gente se acostuma para poupar a vida, que aos poucos se gasta e que se gasta de tanto se acostumar. Perde-se em si mesma. A GENTE SE ACOSTUMA A SER ACOSTUMADO.

Texto de Marina Colasanti - Teo/10/92

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket


- Postado por: Danimi as 11h11
[ ] [ envie esta mensagem ]

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket




LATINHA DE LEITE

Um fato real, dois irmãozinhos maltrapilhos, provenientes da favela - um deles de cinco anos e o outro de dez, iam pedindo um pouco de comida pelas casas da rua que beira o morro.

Estavam famintos: 'vai trabalhar e não amole', ouvia-se detrás da porta; 'aqui não há nada moleque...', dizia outro...

As múltiplas tentativas frustradas entristeciam as crianças...

Por fim, uma senhora muito atenta disse-lhes: 'Vou ver se tenho alguma coisa para vocês... coitadinhos!' E voltou com uma latinha de leite.

Que festa! Ambos se sentaram na calçada. O menorzinho disse para o de dez anos: 'você é mais velho, tome primeiro...' e olhava para ele com seus dentes brancos, a boca semi-aberta, mexendo a ponta da língua.

Eu, como um tolo, contemplava a cena... Se vocês vissem o mais velho olhando de lado para o pequenino! Leva a lata à boca e, fazendo gesto de beber, aperta fortemente os lábios para que por eles não penetre uma só gota de leite. Depois, estendendo a lata, diz ao irmão: 'Agora é sua vez. Só um pouco.'

E o irmãozinho, dando um grande gole exclama: 'como está gostoso!'

'Agora eu', diz o mais velho. E levando a latinha, já meio vazia, à boca, não bebe nada.

'Agora você', 'Agora eu', 'Agora você', 'Agora eu'...

E, depois de três, quatro, cinco ou seis goles, o menorzinho, de cabelo encaracolado, barrigudinho, com a camisa de fora, esgota o leite todo... ele sozinho.

Esse 'agora você', 'agora eu' encheram-me os olhos de lágrimas...

E então, aconteceu algo que me pareceu extraordinário. O mais velho começou a cantar, a sambar, a jogar futebol com a lata de leite. Estava radiante, o estômago vazio, mas o coração trasbordante de alegria. Pulava com a naturalidade de quem não fez nada de extraordinário, ou melhor, com a naturalidade de quem está habituado a fazer coisas extraordinárias sem dar-lhes maior importância.

 

Daquele moleque nós podemos aprender a grande lição, 'quem dá é mais feliz do que quem recebe.' É assim que nós temos de amar.

Sacrificando-nos com tal naturalidade, com tal elegância, com tal discrição, que os outros nem sequer possam agradecer-nos o serviço que nós lhe prestamos."

(autor desconhecido)

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket


- Postado por: Danimi as 12h19
[ ] [ envie esta mensagem ]

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket




À você, meu amor



- Postado por: Danimi as 13h18
[ ] [ envie esta mensagem ]

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket




MÃES MÁS

Por Dr. Carlos Hecktheuer, Médico Psiquiatra.

 

Um dia quando meus filhos forem crescidos o suficiente para entender a lógica que motiva os pais e mães, eu hei de dizer-lhes:

- Eu os amei o suficiente para ter perguntado aonde vão, com quem vão e a que horas regressarão.

- Eu os amei o suficiente para não ter ficado em silêncio e fazer com que vocês soubessem que aquele novo amigo não era boa companhia.

- Eu os amei o suficiente para os fazer pagar as balas que tiraram do supermercado ou revistas do jornaleiro, e os fazer dizer ao dono: " Nós pegamos isto ontem e queríamos pagar".

- Eu os amei o suficiente para ter ficado em pé junto de vocês, duas horas, enquanto limpavam o seu quarto, tarefa que eu teria feito em 15 minutos.

- Eu os amei o suficiente para os deixar ver além do amor que eu sentia por vocês, o desapontamento e também as lágrimas nos meus olhos.

- Eu os amei o suficiente para os deixar assumir a responsabilidade das suas ações, mesmo quando as penalidades eram tão duras que me partiam o coração.

Mais do que tudo, eu os amei o suficiente para dizer-lhes NÂO, quando eu sabia que vocês poderiam me odiar por isso (e em alguns momentos até odiaram).

Essas eram as mais difíceis batalhas de todas.

Estou contente, venci... Porque no final vocês venceram também! 

E em qualquer dia, quando meus netos forem crescidos o suficiente para entender a lógica que motiva os pais e mães; quando eles lhes perguntarem se sua mãe era má, meus filhos vão lhes dizer: "Sim, nossa mãe era má. Era a mãe mais má do mundo...".

As outras crianças comiam doces no café e nós tínhamos que comer cereais, ovos, torradas.

As outras crianças bebiam refrigerante e comiam batatas fritas e sorvetes no almoço e nós tínhamos que comer arroz, feijão, carne, legumes e frutas.

E ela nos obrigava a jantar à mesa, bem diferente das outras mães que deixavam seus filhos comerem vendo televisão.

Ela insistia em saber onde estávamos à toda hora (tocava nosso celular de madrugada e "fuçava" nos nossos e-mails). Era quase uma prisão!

Mamãe tinha que saber quem eram nossos amigos e o que nós fazíamos com eles.

Insistia, que lhe disséssemos com quem íamos sair, mesmo que demorássemos apenas uma hora ou menos.

Nós tínhamos vergonha de admitir, mas ela "violava as leis do trabalho infantil".

Nós tínhamos que tirar a louça da mesa, arrumar nossas bagunças, esvaziar o lixo e fazer todo esse tipo de trabalho que achávamos cruéis.

Eu acho que ela nem dormia á noite, pensando em coisas para nos mandar fazer.

Ela insistia sempre conosco para que lhe disséssemos sempre a verdade e apenas a verdade.

E quando éramos adolescentes, ela conseguia até ler os nossos pensamentos.

A nossa vida era mesmo chata!

Ela não deixava os nossos amigos tocarem a buzina para que saíssemos; tinham que subir, bater à porta, para ela os conhecer.

Enquanto todos podiam voltar tarde da noite com 12 anos, tivemos que esperar pelos 16 para chegar um pouco mais tarde, e aquela chata levantava para saber se a festa foi boa (só para ver como estávamos ao voltar).

 Por causa de nossa mãe, nós perdemos imensas experiências na adolescência:

- Nenhum de nós esteve envolvido com drogas, em roubo, em atos de vandalismo, em violação de propriedade, nem fomos presos por nenhum crime.

FOI TUDO POR CAUSA DELA!

Agora que já somos adultos, honestos e educados, estamos a fazer o nosso melhor para sermos "PAIS MAUS", como minha mãe foi.

EU ACHO QUE ESTE É UM DOS MALES DO MUNDO DE HOJE: NÃO HÁ SUFICIENTES MÃES MÁS!

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket


- Postado por: Danimi as 06h55
[ ] [ envie esta mensagem ]

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket




PLANO B

Outro dia quando ia para casa, notei que havia pessoas dentro da minha casa, me roubando. Eu liguei para a polícia, mas me disseram que não havia ninguém por perto para ajudar, mas que iriam mandar alguém assim que fosse possível.

Eu desliguei. Um minuto depois liguei de novo:

- Olá - disse eu -, eu liguei há pouco porque tinha pessoas na minha casa. Já não é preciso virem depressa, porque eu os matei.

Passados alguns minutos, estava meia dúzia de carros da polícia na área, mais helicóptero e uma unidade médica com a ambulância.

Eles apanharam os ladrões em flagrante.

Um dos polícias disse: - Pensei que tivesse dito que os tinha morto.

Eu respondi: - Pensei que tivessem dito que não havia ninguém disponível.

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket


- Postado por: Danimi as 07h14
[ ] [ envie esta mensagem ]

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket




AMOR OU AMIZADE

Perguntei a um sábio, a diferença que havia entre amor e amizade.

Ele me disse essa verdade:

- O Amor é mais sensível, a Amizade mais segura. 

- O Amor nos dá asas , a Amizade o chão.

No Amor há mais carinho, na Amizade compreensão.

 - O Amor é plantado e com carinho cultivado; a Amizade vem faceira, e com troca de alegria e tristeza, torna-se uma grande e querida companheira.

Mas quando o Amor é sincero ele vem com grandes amigos; e quando a Amizade é concreta, ela é cheia de amor e carinho.

 Quando se tem amigos como você... ambos sentimentos coexistem dentro do seu coração. (A.D.)

Bjks, inté.

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket


- Postado por: Danimi as 13h12
[ ] [ envie esta mensagem ]

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket